segunda-feira, 18 de maio de 2009

Foi-se...


Outra Vez
Roberto Carlos



Você foi!
O maior dos meus casos
De todos os abraços
O que eu nunca esqueci
Você foi!
Dos amores que eu tive
O mais complicado
E o mais simples prá mim...

Você foi!
O maior dos meus erros
A mais estranha história
Que alguém já escreveu
E é por essas e outras
Que a minha saudade
Faz lembrar
De tudo outra vez...

Você foi!
A mentira sincera
Brincadeira mais séria
Que me aconteceu
Você foi!
O caso mais antigo
E o amor mais amigo
Que me apareceu...

Das lembranças
Que eu trago na vida
Você é a saudade
Que eu gosto de ter
Só assim!
Sinto você bem perto de mim
Outra vez...

Me esqueci!
De tentar te esquecer
Resolvi!
Te querer, por querer
Decidi te lembrar
Quantas vezes
Eu tenha vontade
Sem nada perder...

Ah!
Você foi!
Toda a felicidade
Você foi a maldade
Que só me fez bem
Você foi!
O melhor dos meus planos
E o pior dos enganos
Que eu pude fazer...

Das lembranças
Que eu trago na vida
Você é a saudade
Que eu gosto de ter
Só assim!
Sinto você bem perto de mim
Outra vez....

8 comentários:

  1. Linda canção para celebrar os 50 anos do Rei.Nosso inconsciente como diz Caetano Veloso....

    ResponderExcluir
  2. Acho que Caetano Veloso se enganou. Não se trata inconscientemente do Rei. Eu apenas, e de forma bastante consciente, encontrei nessa letra uma maneira de me despedir do “Imperador” que partiu. Por isso o título é “foi-se”, numa referência ao “Imperador” que se foi deixando apenas um bom amigo no lugar.

    ResponderExcluir
  3. Essa música costuma me deixar triste...

    ResponderExcluir
  4. Pois é, amigo. Ela me deixa meio triste também. Mas como eu sou brasileira e não desisto nunca (rsrsrs), sei que em breve poderei cantar alegremente outra vez e, o que é melhor, sem relacioná-la a ninguém e a nenhuma situação. Aliás, posso até continuar a relacionar, mas darei boas risadas por isso. Bjs

    ResponderExcluir
  5. Eu acho essa música linda. Realmente Roberto Carlos sabe (ou sabia) compor e escolher repertório mas (pra mim) nunca soube cantar. Entretanto minha amiga, estou torcendo para que vc em breve esteja cantando "Tô nem aí" pra esta criatura que está mais pra bobo da corte por não saber valorizar o pote de ouro que encontrou no final do arco-íris... meio poética eu, não?

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir